Deputado Bira Corôa debate os 130 anos do fim da escravização durante audiência na ALBA

5

No dia 13 de maio de 1888, a Lei Áurea foi assinada pela Princesa Isabel, decretando assim o fim da escravidão no Brasil. Mas, qual foi o significado deste ato, na prática, para a população negra? Para marcar a data e relembrar a importância de continuar lutando pela equidade social, a pergunta “Brasil, 130 anos do fim da escravização oficial?” foi tema da audiência pública na manhã desta terça-feira (15), proposta pela Comissão Especial de Promoção da Igualdade da #Alba, que é presidida pelo Deputado Bira Corôa Lula da Silva.

Segundo os debatedores, o projeto abolicionista foi falho e o resultado claro disCto são os números específicos de desigualdade social e taxa de mortalidade. A audiência pública contou com a participação da Secretária de Promoção da Igualdade, Fabya Reis, da Promotora Lívia Santana Vaz, do Desembargador Lidivaldo Brito e o professor pesquisador da UNEB Antônio Cosme.

O deputado Bira Corôa ressaltou no debate os ataques do governo golpista a importantes programas de combate a igualdade, como o FIES. As reduções no programa de financiamento simbolizam um grande número de jovens negros fora da universidade.

Fim da conversa no bate-papo
Compartilhar