Deputado Bira Corôa diz que projeto do BRT é ‘vaidade’ de ACM Neto

8

“O BRT de Salvador não tem como princípio servir a população e não tem responsabilidade ambiental. Todo esse prejuízo é para atender aos interesses dos empresários de ônibus e à vaidade do prefeito, disparou o deputado estadual Bira Corôa Lula da Silva (PT) sobre a proposta do BRT da capital baiana.

A fala do deputado reforça a opinião de Rui, que classificou a iniciativa como “ruim” e com “pequena” possibilidade de sucesso. Bira Corôa associou o traçado do BRT ao que era a proposta inicial do metrô, quando lançada, à época, por aliados políticos do grupo do atual prefeito. “A extensão desse BRT não leva a lugar algum”, disse o deputado. “O que o prefeito precisa mesmo fazer é se debruçar no compromisso de fazer as interligações com o metrô a partir de vias alternativas, que permitam aos bairros mais populosos e às localidades mais distantes do centro ter um transporte de qualidade”, completou o deputado.

Biólogo por formação, o parlamentar condenou também a interferência ambiental negativa que o projeto provocará. “Um projeto que basicamente desconsidera a importância ambiental e histórica de em média 500 árvores, muitas delas centenárias. Desconsidera também a importância e a necessidade de revitalização dos rios urbanos ao propor a cobertura de suas calhas”. Ao comparar a situação com a das árvores retiradas para a construção do metrô, Bira Corôa ressaltou aspectos como a realocação de alguns exemplares e o replantio de outras, que continua sendo feito.

Petista concluiu dizendo que o BRT é “uma iniciativa que vai gerar um gasto enorme de dinheiro público e causar impacto ambiental significativo sem um objetivo maior, além de confrontar a imagem e aprovação do governador Rui Costa com a conclusão do metrô”.

Compartilhar